Unificação

Unificação

Cursos em DVD

CURSOS COMPLETOS
- Energias alternativas, solar e eólica
- Física quântica
- Criação dos HoloCampos morfogenéticos
- Sustentabilidade com consciência
- Métodos de bio-construção e reuso de água

segunda-feira, 14 de março de 2011

Projeto Haarp

Mais uma vez peço o apelo de todos, para juntos podermos ir sempre mais além!Sem entrarmos em devaneios, nem especulações!
Vamos,nos unir numa causa maior, e juntos tentar entender e compreender este mundo de tantas informações e Contra-informação!
Vamos analisar mais estes dados que nos chegam e construir Uma Nova Visão!
-Pesquise!
-Questione!



Possíveis Causas de Terremotos: Transmissões eletromagnéticas ultra-baixas e HAARP
Publicado originalmente pelo ELFrad Group em 1998
Traduzido por
Ecocidio
Nós descobrimos em muitas ocasiões, que há certas frequências eletromagnéticas que se propagam com grande facilidade através do interior da Terra, antes, durante e imediatamente após um grande movimento sísmico.
Os dados que serão mostrados são um esforço conjunto pelo ELFrad Group para determinar se há um método viável para detectar esses sinais antes do evento, com confiabilidade e tempo suficientes, para avisar de um desastre iminente.
Ao desenvolver um método de detecção capaz de recuperar esses sinais ULF, descobrimos que algumas vezes é possível detectar um evento com até 120 minutos antes da ocorrência de fato [N.T.: Eventos posteriores foram detectados com mais de 200 minutos de antecedência]. Esse aviso antecipado pode ser bem útil para determinar se uma anomalia sísmica vai ocorrer em uma área populada.
Transmissões eletromagnéticas ultra-baixas e extremamente baixas, por suas naturezas, têm a habilidade de penetrar a terra mas possuem um comprimento de onda muito grande, tornando difícil de detectar suas origens. Todavia, foi descoberto que a amplitude dos sinais irá variar em proporção à distância. Com muitas estações receptoras colocadas em localizações estratégicas, fomos capazes de detectar a localização e a força.
Por exemplo, nosso equipamento detecta regularmente atividades sísmicas e outras anomalias de baixa-frequência em uma base diária – em uma escala global – ao invés de localmente. Há grupo de frequências que variam em amplitude, em proporção a ocorrências sísmicas ao redor do mundo. Esse espectro é constantemente monitorado e quando o limiar de detecção é excedido, é então comparado com outras localizações ELFrad. O sítio receptor com maior amplitude seria o mais perto do evento suspeito.
Nossos locais de detecção são operados por voluntários que têm detectado seus equipamentos, tempos e esforços para ajudarem nesse esforço de pesquisa. Nosso objetivo é que sejamos um dos ativos nesse campo pioneiro, e ajudar a desenvolver a tecnologia necessária para impedir a perda trágica de vidas.
Os eventos abaixo mostram as horas de detecção de terremotos mundiais recentes, com gravado pelo ELFrad Group.

Northern Chile  01/08/00 11:59:21.0  23.2S  69.9W  33  M=6.3
Este gráfico mostra o precursor elétrico e a atividade sísmica antes e durante este terremoto que ocorreu ao norte do Chile. Este evento teve uma magnitude de 6.3 graus. O “P” em vermelho indica o sinal elétrico detectado quando a pressão sísmica passou por essa localidade. Todas as linhas vermelhas são os pontos indicadores dos vários tipos de propagação sísmica.
A seta verde à esquerda indica o horário de início dos sinais elétricos e momentos antes dos distúrbios começarem. Estes distúrbios continuaram por um período de  136.4 minutos antes de o terremoto ocorrer de fato. A frequência de interesse é a banda entre .02 e .04 Hz. Esses sinais têm sido consistentes com cada grande terremoto que foi registrado durante o ano passado. Parece haver uma janela começando por volta de três horas antes de cada evento maior, que pode ser usada para prever grandes movimentos sísmicos iminentes.
Tenha em mente que nos estamos detectando esses precursores usando antenas subterrâneas, e não recebendo esses sinais usando o método convencional de detecção eletromagnética através da atmosfera.
Tonga Islands  01/08/00  16:47:17.2  17.6S  173.8W  Depth= 185 Km M= 7.1
Este gráfico mostra o precursor elétrico e atividade sísmica antes e durante este terremoto que ocorreu nas Ilhas Tonga. O gráfico acima é um registro dos sinais por uma duração de 4 horas começando às 14:00 UT em 08/01/2000. Os marcadores vermelhos indicam os vários distúrbios de ondas sísmicas durante e após o terremoto; os marcadores verdes indicam os sinais elétricos gerados através da terra, durante e após o evento.
A seta verde na esquerda, indica o horário de início dos sinais elétricos e momentos antes dos distúrbios sísmicos começarem. Estes continuaram por um período de  131.5 minutos antes do terremoto de fato. A frequência de interessa é a banda entre .02 e .04 Hz.
Philippine Islands  02/13/00  18:19:34.4  5.4N  127.1E  Depth= 118 Km M= 6.0
Este gráfico mostra o precursor elétrico e a atividade sísmica, antes e durante este terremoto, ocorrido nas Ilhas Filipinas, que estão localizadas a 14653 km de distância. Note a atividade precursora que começou às 16:12:44 UT. Estes sinais elétricos ULF foram detectados 120 minutos antes do terremoto.
Devido à natureza da propagação de sinais elétricos através da terra, intensos estouros foram gravados quase no mesmo local de ocorrência. O indicador “P” mostra que ondas “sísmicas” não foram gravadas até 16 minutos depois do terremoto inicial. Esses são os sinais que foram registrados por sismógrafos. Todas as letras em vermelho indicam vários tipos de ondas sísmicas que passaram pelo local de detecção. Nossos sensores registraram a atividade elétrica causada por efeitos piezoelétricos dos diferentes tipos de estruturas cristalinas na terra.
O gráfico acima mostra a análise de espectro, que foi gravada no mesmo período do gráfico anterior. Note a alta amplitude das frequências entre .02 e 0.5 Hz. Cada terremoto de maior magnitude que foi registrado pelo ELFrad tem mostrado essa característica incomum precedendo cada evento, com até 120 minutos antes do tremor principal.
Southern Sumatra, Indonesia  06/04/00  16:28:25.6   4.7S  102.5E  Depth= 33 Km M= 7.9
Este gráfico mostra o precursor elétrico e a atividade sísmica, antes e durante este terremoto, ocorrido em Sumatra, Indonésia, que está localizada a 16559 km de distância. Note a atividade precursora que começou às 15:01:49 UT. Estes sinais elétricos ULF foram detectados 86.56 minutos antes do terremoto e as transmissões foram intensas em amplitude.
Um aspecto incomum nessa indicação precursora, é a mudança abrupta na polaridade da tensão DC que é mostrada pelo indicador “P” no gráfico acima.
O gráfico abaixo aponta mais claramente essa mudança. A estação de detecção Amity onde esses dados foram gravados está do lado oposto da Terra, de forma que a mudança de polaridade foi grande o suficiente para afetar o globo inteiro. Há uma especulação que a atividade solar que está ocorrendo, que é extremamente magnética,possa ter sido o gatilho. Esses dados apóiam essa teoria.
Michoacan, Mexico   08/09/00  11:41:47.8   18.2N  102.1W  Depth= 33 Km M= 6.4
Este gráfico mostra o precursor elétrico e a atividade sísmica, antes e durante este terremoto, que ocorreu em Michoacan, Mexico, que é localizada a 2871 km de distância [do ponto de medição]. Note a atividade precursora que começou às 8:08:08 UT. Estes sinais elétricos ULF foram detectados 213.35 minutos antes do terremoto e as transmissões foram muito intensas em amplitude. O gráfico acima mostra dados gravados por uma duração de 6 horas antes e durante o evento. Note o aumento da atividade na banda de frequência de .02 a .04 Hz até e durante o primeiro choque.
O gráfico abaixo indica o mesmo período de tempo, contudo os dados foram gravados pela matriz Leste Oeste. Esta tela mostra claramente a atividade do pulso causado por movimentos abruptos da terra, devido a orientação da matriz de detecção. O evento [N.T.: acredito que seja a matriz, e não o evento, já que a frase como está ficou sem sentido] foi localizado à sul do evento e capturou o componente vetor eletromagnético dos sinais.
Há ainda outros terremotos registrados. O ELFrad publicou registros desde o terremoto no México em 15/06/1999,
***
Percebam que esses são terremotos reais, pois possuem atividade precursora do terremoto em si – muito diferente dos terremotos causados pelo HAARP, que simplesmente acontecem, já que a tensão entre as rochas é induzida por bilhões de megawatts, o que faz com que ocorram pouquíssimo tempo após o bombardeiro de ondas ELF/ULF.
Felizmente, os terremotos causados pelo HAARP produzem a mudança de cor no céu também com antecedência. Mesmo que a grande mídia não informe, as futuras vítimas dos tremores mais conscientes ainda podem olhar para os céus e tomarem suas precauções.
Com essa informação sendo apresentada – e levando em consideração que está disponível na internet – como a comunidade cientifica ainda tem a cara de pau de dizer que “não existem métodos confiáveis” na detecção de terremotos com antecedência suficiente para emitir um alerta de terremotos? A resposta para a pergunta que fiz nem precisa ser respondida, pois eu mesmo sei a resposta. O duro é ter que engolir um sapo desse tamanho, sapo esse que custa a vida de milhares de pessoas…

Nenhum comentário:

Postar um comentário